Single Blog Title

This is a single blog caption
10
nov

Apiwtxa incentiva plano de vida autônoma e sustentável para os Ashaninka de Sawawo

Por: Equipe de Comunicação Apiwtxa

saw1

 

Nos últimos dias do mês de outubro, uma equipe da Apiwtxa, liderada por Francisco, Moisés e Wewito Piyãko, subiu o Rio Amônia em direção à comunidade Ashaninka Sawawo, no Peru. O objetivo da viagem foi o cumprimento de um importante objetivo da Apiwtxa: contribuir para o fortalecimento dos parentes que vivem do lado peruano da fronteira.

saw3

O dia seguinte começou com a bonita abertura do evento, onde as lideranças das duas comunidades expressaram alegria e satisfação pela realização do encontro, do qual se espera a geração de efeitos positivos para a região do Amônia. Dentre esses efeitos estão a consolidação da autonomia dos povos indígenas, a otimização da gestão de seus territórios, e a conservação da floresta.

saw2

A comunidade do Sawawo vem investindo na reorganização de suas atividades produtivas, buscando alternativas para geração de renda de modo sustentável, e com plena valorização da cultura Ashaninka. Os Ashaninka da Apiwtxa, então, rumaram para lá a fim de compartilhar com os parentes a experiência do etnomapeamento realizado na Terra Indígena Kampa do Rio Amônia, onde vivem.

O etnomapeamento é a construção de uma carta geográfica que aponta os locais importantes da Terra Indígena, o seu uso cultural, a distribuição dos recursos naturais dentro do território, a identificação de impactos ambientais e outras informações relevantes, enfatizando a visão, os interesses, o olhar e a compreensão do Povo que ali vive.

Na Terra Indígena Kampa do Rio Amônia esse trabalho teve início em 2004 e constituiu um longo processo por meio do qual as comunidades elaboraram nove mapas de diagnóstico de seu território.

Nesta oficina no Sawawo, os moradores, divididos em dois grupos, um de homens, outro de mulheres, realizaram, discutiram, e apresentaram mapas de sua aldeia, onde foram indicados todos os pontos fundamentais para a vida da comunidade.

O objetivo do etnomapeamento é construir uma ferramenta útil para a gestão territorial e ambiental do território de Sawawo, possibilitando diagnosticar os cenários sobre seu uso e conservação, ajudar a estabelecer o plano de vida da comunidade, e constituir um instrumento político importante na defesa de direitos e interesses da comunidade indígena, fortalecendo a organização social, a luta pela implementação de políticas públicas, o auxílio na solução de conflitos, etc.

saw8

Tanto o etnomapeamento, quanto o Plano de Gestão do Território, têm como princípio fundamental o protagonismo indígena, pois são feitos pelos e para os indígenas que vivem no território, segundo suas aspirações e visões de futuro, com a colaboração e o apoio de parceiros do Estado e da sociedade civil.

Ao final do encontro, ficou acordada a realização de uma nova etapa desse processo, que, financiada pela Apiwtxa, ocorrerá em janeiro de 2017 em Sawawo no Peru, com ampla participação da comunidade, visando a construção de outros mapas necessários a um diagnóstico aprofundado dos aspectos fundamentais à promoção dos aspectos sociais, econômicos e culturais dos Ashaninka daquele território.

A comunidade Ashaninka do Sawawo é composta por cerca de 45 famílias que vivem em um território de cerca de 35 mil hectares, situados no município do Breu, Departamento de Ucayali – Província de Atalaya, no Peru. Um importante diferencial dessa comunidade, assim como da Apiwtxa, está no forte nível de preservação da língua e dos aspectos rituais do Povo Ashaninka.

You are donating to : Greennature Foundation

How much would you like to donate?
$10 $20 $30
Would you like to make regular donations? I would like to make donation(s)
How many times would you like this to recur? (including this payment) *
Name *
Last Name *
Email *
Phone
Address
Additional Note
paypalstripe
Loading...